Loja Kick Push Wear

Renovação da Cultura Hip-Hop no Brasil e no Mundo




Que a cultura hip-hop vem se modificando ao longo das décadas não é mais novidade para nenhum de nós.

E o que chama a atenção é a importância desse fato e como ele contribui para o reconhecimento da cultura como forma de mudança social e pessoal.

Mas afinal, como surgiu essa renovação?

Aqui no blog já discutimos assuntos como por exemplo, a influência do hip-hop em nossas vidas e como e quão tamanho é o poder do hip-hop no meio da sociedade.

Esses são apenas uns poucos exemplos dos reflexos que as mudanças no cenário do hip-hop vem - e continuarão - provocando.

Por ser algo que além de defender a individualidade também incentiva a coletividade, a cultura hip-hop está diretamente ligada às necessidades de um grupo, sejam elas políticas, sociais, educativas e etc, e isso é um fato que qualquer pessoa consegue perceber.

O rap combativo dos anos 90s, por exemplo, é um ótimo modo de falar sobre esse tipo de necessidade.

A década de 90 foi totalmente marcada pela crise econômica – principalmente aqui no Brasil -, com o alto índice de desemprego, baixa de salários e o caos instalado.

Foi nesse contexto político e social que surgiram ícones da cultura hip-hop como Racionais MC, Crioulo, Marcelo D2, Gabriel O Pensador, Emicida e Facção Central, sendo que uma boa parte dos rappers dessa época são consagrados até hoje.

Outro fator de influência para a renovação do hip-hop é o alto poder de disseminação das mídias e redes sociais, e são realmente muitos aqueles que conseguiram conquistar notoriedade pela fama que fizeram nas mesmas.

O rap, principalmente, cresceu muito e se espalhou por diversos locais graças a essas mídias.

Com a junção de todos esses fatores tem literalmente “brotado” novos rappers pelo mundo inteiro, como Tyga, Kendric Lamar, Hopisin e outros.

Mas essa nova era do hip-hop também fez “brotar” um novo modo de se pensar sobre o rap/hip-hop, e os projetos sociais que utilizam do rap como instrumento de mudança também vieram aumentando bastante.

Por fim, é bem claro perceber o peso que essa nova geração tem que carregar, pois serão eles que passarão nossa cultura adiante.

Desse modo ela irá se renovar já em outro contexto social, estando muito mais rica do que antes e impedindo a perca da noção de que hip-hop é diversão, mas também estilo de vida.

Gostou do nosso texto? Deixe seus comentários, compartilhe esse conteúdo com seus amigos e siga a Kick Push Wear no FacebookInstagram e YouTube. 

Nenhum comentário

Kick Push Wear. Tecnologia do Blogger.